Gabi Faryas

01/03/2021View on timeline

Proteção

PROTEÇÃO

“Me protegendo a 500 anos do vírus colonial que cruzou o atlântico e que habita  em ti y em mim. tem propriedade que se resume em espadas, amor, proteção e núcleos. reconheça o colonizador que tem em ti y em nós, se não não vamos curar nunca! quais são as máscaras possíveis para nos proteger da colonialidade no dia a dia? ”

Fotoperformance sem período de isolamento social, onde Gabriel Faryas construiu máscaras possíveis com elementos de proteção ancestral negra, buscando soluções de cura e proteção através de tais objetos. A máscara simboliza tanto a proteção contra a colonialidade viral exposta nas ruas de Porto Alegre, quanto a criação máscaras absurdas que desassociar a imagem de periculosidade de homens negros ao estarem com máscaras cotidianas.


Fórum da Imagem

Portifólio-Gabi Faryas

0 comments

Comment

No comments avaliable.

Author

Info

Published in 7/12/2020

Updated in 19/02/2021

All events in the topic A imobilidade na produção e o que isso diz sobre os artistas contemporâneos:


Invalid DateA imobilidade na produção e o que isso diz sobre os artistas contemporâneos - Amanda Amaral & Lindomberto Ferreira AlvesA imobilidade na produção e o que isso diz sobre os artistas contemporâneos - Amanda Amaral & Lindomberto Ferreira Alves
Invalid DateRebecca França VianaRebecca França Viana
Invalid DateDuda VianaDuda Viana
Invalid DateHeitor AndradeHeitor Andrade
Invalid DateLeonardo SousaLeonardo Sousa
Invalid DateCarol MuñozCarol Muñoz
Invalid DateCasüCasü
Invalid DateCamila BeatrizCamila Beatriz
Invalid DateJoão Victor SoaresJoão Victor Soares
Invalid DateCharles CunhaCharles Cunha
Invalid DateLiliana SanchesLiliana Sanches
Invalid DateMaria Eduarda RamosMaria Eduarda Ramos
Invalid DateMarcos MartinsMarcos Martins
Invalid DateGabriel LordêlloGabriel Lordêllo
Invalid DateGabi FaryasGabi Faryas
Invalid DateLarissa GodoyLarissa Godoy
Invalid DateStefany PowllakStefany Powllak
Invalid DateAna LuízaAna Luíza